sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

Titânica coincidência


O escritor norte-americano Morgan Robertson (1861-1915) publicou um romance chamado “Futilidade”. O livro narra uma história na Inglaterra, em 1898, onde um verdadeiro palácio flutuante zarpa de Southampton, pelo Atlântico. Projetado para ser inafundável, era o maior e mais luxuoso navio já construído.
Em sua viagem inaugural, rumo aos Estados Unidos, nunca alcançou seu destino final, pois seu casco foi destruído por um icerberg e naufragou, causando grandes perdas por não possuir botes salva-vidas suficientes para todos os passageiros (24 botes para 3 mil passageiros). 
Chamava-se Titan o navio.


Em 1912, um grande e luxuoso navio foi construído para ser inafundável. Zarpou de Southhampton, Inglaterra, para os Estados Unidos, em sua primeira viagem pelo Atlântico. 
O navio atingiu um iceberg e com o casco destruído, afundou. Haviam apenas 24 botes salva-vidas para todo o navio (cerca de 2.200 pessoas) e muitos morreram. 
Chamava-se Titanic o navio.

(Fotos: Google)

quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

Nua e com dor de dente

 
Caridoso que só, Seu Castelo levou a empregada de casa, que estava com uma dor de dente lascada, ao posto de saúde.
 
Chegando lá, conduziu a doméstica a uma fila de atendimento. Ocorre que, sem atentar, ao invés do serviço odontológico, foram parar na ala de exame ginecológico preventivo.

Pois bem, chegada a vez da doméstica, ela não se demorou muito, não. E saiu reclamando:

- Valha, Seu Castelo, eu com dor de dente e o doutor mandou foi eu ficar nua e começou a bulir nas minhas partes...
- Calma, calma... Vai ver que ele começou o exame pesquisando pela raiz...

(Foto: Goggle)

Coincidência

Em março de 1951, Denis, O Pimentinha, nasceu duas vezes. Com apenas três dias de diferença, mas com a mesma estreia, Hank Ketcham, nos Estados Unidos e David Law, no Reino Unido, criaram suas primeiras tirinhas contendo um personagem de nome idêntico. 


Os dois não faziam a menor ideia da história em quadrinhos do outro, mas, quando tomaram conhecimento da coincidência, decidiram que ambos continuariam escrevendo suas tirinhas sem interferirem na do outro. 
Uma coincidência maior ainda é o fato dos dois personagens Denis, O Pimentinha vestirem suéteres listrados.

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

A bunda de Sir Elton John


Durante uma comédia entre amigos, Sir Elton John foi fotografado mostrando a bunda em um iate. Pelo boneco, a negada que estava na galera tacou o pau a se abrir. 

Segundo a imprensa internacional, Sir Elton John arriou a bermuda para mangar de um iate que estava emparelhado com o seu.

(Fotos: Google)

Paco de Lucia & Raimundo Fagner

Essas histórias quem me contou foi o Fagner. 


Certa vez, em Madri, Paco de Lucia convidou Raimundo Fagner para jantar no restaurante do Hotel Ritz, um dos mais finos da cidade. Lá, ao chegarem, o Maître observou que Fagner trajava paletó, mas, sem gravata, o que a casa não permitia para o acesso de seus sofisticados clientes.

Pois bem, sem pestanejar, Paco se aproximou do Maître, tirou-lhe a gravata, a vestiu no Fagner e adentraram felizes da vida ao elegante recinto!

Paco e Fagner tinham uma amizade muito rica em benquerença e histórias. A primeira vez que Paco gravou com um violão de outra pessoa, foi no de Fagner, em homenagem ao Picasso, no Studio Eurosonic.

Falando em violão, um dia, em sua casa, Paco presenteou Fagner com um, mas o nosso menestrel recusou, alegando vergonha. Aí, Paco emendou:

- Raimundo, fique com ele porque John McLaughlin* está vindo pra cá e, certamente, vai querer pegar pra ele.

Em uma outra vez, no Rio de Janeiro, Fagner emprestou a casa do amigo Armando Kfury, em Angra dos Reis, para Paco passar três dias. Passou um ano. E o curioso: todo dia ele saia de Angra para comer cupim, no Porcão da Barra!

São muitas as histórias! Depois eu conto mais.

 
(*) John McLaughlin, ou Mahavishnu John McLaughlin, é um guitarrista de jazz britânico que ficou conhecido como integrante do grupo de Miles Davis, no final dos anos 1960, ao lado de outros músicos como Chick Corea e Tony Williams. 

(Fotos: Google)

Romântica sinceridade

terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

Anulação de casamento

Pescada do Fred Guilhon.


"Karla Dias Baptista, 26 anos, advogada e residente no município de Porto Grande, no Amapá, decidiu processar seu ex-marido por uma questão até então inusitada na jurisprudência nacional. Ela processa Antonio Chagas Dolores, comerciante de 53 anos, por insignificância peniana.

Embora seja inédito no Brasil os processos por insignificância peniana são bastante frequentes nos Estados Unidos e Canadá. Esta moléstia é caracterizada por pênis que em estado de ereção não atingem oito centímetros. A literatura médica afirma que esta reduzida envergadura inibe drasticamente a libido feminina interferindo de forma impactante na construção do desejo sexual.

O casal viveu por dois anos uma relação de namoro e noivado e durante este tempo não desenvolveu relacionamento sexual de nenhuma espécie em função da convicção religiosa de Antonio Chagas. Karla hoje o acusa de ter usado a motivação religiosa para esconder seu problema crônico.

Em depoimento a imprensa a denunciante disse que 'se eu tivesse visto antes o tamanho do problema eu jamais teria me casado com um impotente'.

A legislação brasileira considera erro essencial sobre a pessoa do outro cônjuge quando existe a 'ignorância, anterior ao casamento, de defeito físico irremediável, ou de moléstia grave'. E justamente partindo desta premissa que a advogada pleiteia agora a anulação do casamento e uma indenização de R$ 200 mil pelos dois anos de namoro e 11 meses de casamento.

Antonio que agora é conhecido na região como Toninho Piroquinha, afirma que a repercussão do caso gerou graves prejuízos para sua honra e também quer reparação na justiça por ter tido sua intimidade revelada publicamente.

Um caso tenso! E ela ainda deu entrada no processo no Juizado de Pequenas Causas... (Aí também já é sacanagem)."

(Foto: FB)

segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Messalina & Mefistófelis

Messalina

Valéria Messalina (24dC-48dC) foi uma imperatriz-consorte romana, terceira esposa do imperador Cláudio. Nascida em berço de ouro, ela era prima legítima de Nero, prima de segundo grau de Calígula e sobrinha-bisneta de Augusto.

Poderosa e influente, devido a um viés político contra ela, Messalina era reputada como promíscua, atributo que a perpetuou na arte e na literatura até os dias de hoje.

Pela acusação de ter conspirado contra o marido, foi executada quando descobriram o plano. 

Mefistófelis

Inspirado em uma popular lenda alemã de um pacto com o demônio, o livro Faust, do alemão Johann Wolfgang von Goethe (1749-1832), narra a história do médico, mago e alquimista alemão Dr. Johannes Georg Faust (1480-1540).

Homem das ciências, desiludido com o conhecimento de seu tempo, Dr. Faust fez um pacto com um estranho homem, o demônio Mefistófeles, que oferecendo ajuda o cobriu com a energia satânica insufladora da paixão pela técnica e pelo progresso.
(Imagens: Google)

domingo, 23 de fevereiro de 2014

O Bacalhoeiro / A Licorista

Rua dos Sapateiros 218, 1100 Lisboa, Portugal.

Quase por acaso, eu encontrei. Caminhando por Lisboa, pela Rua dos Sapateiros, no Rossio, deparei-me com um lugar cujo nome me chamou atenção: O Bacalhoeiro / A Licorista. Uma antiga casa que, como o próprio nome sugere, serve variados licores e diferentes petiscos para tira-gosto.

Estabelecidos em 1917, o Bacalhoeiro era uma loja dedicada à venda de bacalhau, enquanto que A Licorista, antiga Companhia Portugueza de Licores, carregava a fama pelos seu vinhos e licores.


N'A Licorista, o ilustre cliente Fernando Pessoa passava todos os dias para sorver o seu copo de vinho Palhete. Com base neste acontecimento, foi que um jornal publicou a famosa expressão: "Apanhado em flagrante delitro".

Pois bem, em 1997, os espaços se uniram por uma abertura interior e, transformados em restaurante, tiveram os nomes preservados. Assim, duas históricas casas tornaram a ser palco para muitos episódios e novos tirocínios para quem quiser visitar o lugar. 
De tradicional cozinha portuguesa, O Bacalhoeiro / A Licorista tem o melhor peixe fresco e o seu Bacalhau à Minhota é uma das melhores iguarias de Lisboa.

(Fotos: Google)

Kunta Kinte

Kunta Kinte (1750-1822).

Kunta Kinte (depois, Toby Waller) é o personagem central do romance "Raízes: A Saga de uma Família Americana", escrita pelo autor norte-americano Alex Haley, e que virou uma famosa minissérie de televisão, em meados dos anos 1970.

Sinopse

Primeiro dos quatro filhos de Omoro Kinte e Binta Kebba, da tribo mandinga, Kunta Kinte nasceu na Vila de Juffure, em Gâmbia, na África Ocidental, em 1750. De família nobre e de rígida educação muçulmana, Kunta passou pelos rigores do treinamento de iniciação nos caminhos mandinga, testes de masculinidade e cerimônia de circuncisão.   

Um dia, em 1767, ao se afastar da sua aldeia a procura de madeira para fazer um tambor, que daria de presente ao seu irmão caçula, foi aprisionado por caçadores de escravos. Ao despertar, com os olhos vendados, amordaçado, amarrado e nu, foi humilhado e marcado com ferro em brasa.

Daí, com outros 169 africanos, o embarcaram em um navio negreiro para a América do Norte. Chegando, foi vendido e teve o nome mudado para Toby. Nessa época, por três fugas, recebeu o atroz castigo de ter a metade de seu pé direito amputada.

Mais tarde, novamente vendido, tornou-se jardineiro e cocheiro. Nesse período, a aversão inicial que os outros escravos sentiam por ele, transformou-se em admiração, por sua capacidade de dissimular os seus reais sentimentos e de resistir às exigências cruéis dos senhores de escravos.

Com o passar dos tempos, a contragosto, Kunta Kinte passou a aceitar a sua condição. Casou-se com Bell, uma escrava de serviços domésticos, tiveram uma filha chamada Kizzy, a quem ensinou a língua e a cultura mandinga, um legado transmitido através das gerações.

No final de seus dias, Kunta Kinte viveu a dor do luto por sua Kizzy, depois que ela foi vendida por contribuir na fuga do seu amado.

Kunta Kinte é retratado de forma heroica, inteligente e talentosa. Introspectivo e corajoso, sempre manteve-se como um guerreiro mandinga que nunca desiste da sua fé muçulmana. 

(Fotos: Google)

sábado, 22 de fevereiro de 2014

Dobradinha calabresa alencarina

video

A dobradinha calabresa alencarina advém da fusão da culinária tradicional do Sul da Itália com a do Nordeste do Brasil, em especial, a do Ceará.

O homem e o leão

Fábula de Esopo.


"Uma vez, um homem e um leão estavam viajando juntos. Eles começaram a discutir sobre quem, dos dois, era o mais corajoso e o mais forte. Quando o ânimo de ambos começou a esquentar, eles passaram defronte a uma estátua de pedra que explicitava um leão sendo estrangulado por um homem.
 
- Olha para isso! Há, por acaso, alguma prova mais inegável de nossa superioridade que essa? Exclamou o homem.
- Essa é a sua versão da história. Se nós fossemos os escultores, haveria vinte homens debaixo da pata de um único leão. Respondeu o leão.
 
Moral: A história é escrita pelos vencedores."

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

Percursos Urbanos, de Zé Tarcísio


Estive na abertura da exposição Percursos Urbanos, do genial artista Zé Tarcísio. Confesso que, por mais que eu tenha medido a minha impressão pelas obras expostas, elas me maravilharam pela beleza e conteúdo.

Na mostra, o Zé nos dá uma aula de urbanismo. Nas 21 obras inéditas, exibe o saber olhar de quem vê e enxerga a cidade. A elegância do seu minimalismo cromático é de uma abastança sem fim. A arte do seu desenho harmoniza-se com ela e dá vida ao conjunto da obra exposta. Pois é, não é à toa que digo: Dos viventes, o Zé é o nosso artista maior!

Mais do que emocionante, vale a pena conferir Percursos Urbanos.

Serviço
Exposição “Percursos Urbanos” por Zé Tarcísio
Visitação pública gratuita: a partir de 21 de fevereiro ao longo de 2014.
Local: Galeria do Palácio da Abolição (Rua Silva Paulet, 540 - Meireles)
Telefones de contato: (85) 3466 4981. 
Horários: de terça à sexta-feira, das 9 às 17 horas. Aos sábados e domingos das 13 às 17 horas. Sempre com serviço de monitoramento e guias. É necessário apresentação de RG e CPF. Acima de 10 pessoas, agendamentos pelos fones (85) 3466 4981/ 3466 4932, ou via email visitaaopalacio@casacivil.ce.gov.br.

(Foto: Gentil Barreira / Divulgação)

Toinho, ontem e hoje

Ontem, eu e o Ricardo Grey de Araújo Lemos estivemos com Antonio Martins Carvalho Júnior, o Toinho, galã de Fortaleza e João Pessoa, dos anos 1970.

 
Toinho, ontem e hoje.

Pois bem, gentilmente, Toinho nos mostrou uma foto dele, quando era tido como sósia do Príncipe Valente, herói da Inglaterra medieval e um dos grandes personagens das histórias em quadrinhos. De imediato, o fotografei para imortalizá-lo na galeria de fotos de famosos quando jovens, no estilo ontem e hoje, do Instituto de Beleza Carrapato, em Itapipoca, Ceará.

(Fotos: Acervo Antonio Martins Carvalho Júnior / Totonho Laprovitera)

Reconhecimento

Um pobre homem da roça da Tailândia fez de tudo para o seu filho poder estudar.


No dia de sua formatura, o filho disse que seu pai era o seu maior orgulho.

Pescado do Azevedo Moura.
(Foto: FB)

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

O café pendente


Em Tortora, na Itália, um viajante entrou em uma pequena cafeteria, pediu e sentou-se ao balcão. Logo, no corre-corre, um casal solicitou:

- Cinco cafés. Dois para nós e três pendentes.

Pagaram os cinco cafés, beberam seus dois e partiram.

- O que são esses cafés pendentes? Perguntou o viajante.
- Espere, que você vai ver. Respondeu o discreto balconista.

Logo, chegaram outras pessoas. Duas garotas pediram dois cafés - pagaram normalmente. Depois de um tempo, surgiram três agitados homens e pediram sete cafés:

- Três para nós, quatro pendentes!

Pagaram por sete, tomaram seus três e foram embora. Depois, um rapaz pediu dois cafés, bebeu só um, mas pagou pelos dois.

Confortavelmente abancado, o viajante olhou pela porta entreaberta a praça cintilada pela luz do sol, bem em frente à cafeteria. Aí, um homem de barbas longas, com roupas surradas pelo tempo, surgiu na porta e, bastante humilde, perguntou em voz baixa:

- Vocês tem algum café pendente?

Esse tipo de caridade, apareceu pela primeira vez em Nápoles. Previamente, as pessoas pagam para alguém que não pode permitir-se, ao menos, a uma xícara de café quente. Afora o café, também deixam comida.

Ultrapassando as fronteiras da Itália, esse costume tem se espalhado por muitas cidades do mundo. Agora, seria tão bom se pudéssemos seguir essa atitude, nera?

Inspirado em mensagem de Bety Poiares.
(Foto: Google)

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

Amigos



Quando me perguntam por qual razão eu possuo tantos amigos, respondo: É porque eu os tenho com as suas virtudes e seus defeitos. Afinal de contas, discordâncias não significam resistências.

terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Exposição ao sol

O banho de sol é benéfico se tomado antes das 10 horas e após as 16, período em que a intensidade dos raios ultravioleta é menor.

Ao mesmo tempo, o sol é benéfico e perigoso para a pele das pessoas. A diferença entre o bem e o mal está na dose e no horário de exposição. E como a exposição solar é cumulativa, o ideal é tomar cuidados desde cedo para fazer dos raios solares um aliado. 

(Foto: Google)

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

domingo, 16 de fevereiro de 2014

Chico Landi

No automobilismo, o paulista Francisco Sacco Landi (1907-1989), mais conhecido como Chico Landi, é reconhecido como um dos melhores pilotos brasileiros de todos os tempos. 


Filho de pai italiano e mãe ítalo-brasileira, Landi iniciou a sua carreira de piloto no célebre Circuito da Gávea, no Rio de Janeiro, em 1934. De 1947 até 1957, foi um dos mais famosos pilotos da Europa, tendo participado de todas as grandes competições da época, ao lado de grandes nomes, como Juan Manuel Fangio, Giuseppe Antonio “Nino” Farina, Alberto Ascari, Herbert Lang, Giuseppe Farina, Achille Varzi,  Luigi Villoresi e Froilán González.

Landi é um dos pioneiros do automobilismo brasileiro e destacou-se ao vencer o segundo Grande Prêmio de Bari, em 1948, a mais importante prova automobilística daquela época, feito repetido em 1952, quando a Fórmula 1 dava ainda engatinhava. O fato foi tão surpreendente, chega os organizadores da prova por não terem o Hino Nacional Brasileiro para tocar na festa de comemoração, puseram "O Guarani", de Carlos Gomes. 

Foi o primeiro brasileiro na Fórmula 1, tendo disputado apenas seis etapas (GPs) entre 1951 e 1953 e mais uma corrida em 1956. Em um total de 1,5 ponto, não ganhou nenhuma etapa e o seu melhor resultado foi um quarto lugar no GP da Argentina, em 1956. 

Chico Landi correu pelas equipes Escuderia Bandeirantes, Scuderia Milano e Maserati.

sábado, 15 de fevereiro de 2014

Animado e ereto


Conforme conta o Carlos Augusto Morais, "segundo o Dr. Francisco José Ribeiro Pinheiro, só duas coisas mantém um homem animado e ereto: dinheiro no bolso e merda dura no intestino".

(Imagem: Google)

sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

Garupa


No dicionário, garupa é a parte do dorso de animais, que vai do lombo até a parte trazeira. É a anca. Diz-se, também, da parte da bicicleta ou motocicleta, localizada atrás do assento do motorista.

(Foto: Google)

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Avô

Julia brinca com seu avô Kiko.

"O brinquedo mais simples, aquele que qualquer menino é capaz de fazer funcionar, chama-se avô." (Sam Stevenson)

(Foto: Francisco Figueiredo)

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Seriema

Seriema (sariema ou siriema) é uma ave de médio porte, terrestre, que prefere correr a voar.


Ela alimenta-se de insetos, lagartos e pequenas cobras, como também de cajuis e cajus do cerrado. Em contato com os humanos, é sempre desconfiada e quando se sente ameaçada por eles, costuma abrir suas asas e enfrentá-los. Diz a lenda que o canto deste pássaro indica o final da época das chuvas.

terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

Riqueza



"A maior desgraça de uma nação pobre é que em vez de produzir riqueza, produz ricos." (Mia Couto)

segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014

Banheiro químico


Um banheiro químico é um tipo de banheiro público formado por cabina portátil com caixa de dejetos. Funciona com uma mistura de água e produto químico, sem formol. De unidade biodegradável, autônoma e portátil, não polui o meio ambiente devido os dejetos recolhidos serem descartados em usina de tratamento de efluentes. Dispensa rede de água e esgoto, proporciona higiene, segurança e oferece uma boa relação custo-benefício. 

Fabricado em polietileno de alta densidade, a cabine do banheiro químico é projetada de forma funcional, com piso antiderrapante, superfície lisa das paredes internas, telas superiores para circulação de ar e dispositivo de trinco com indicação livre/ocupado. 

(Foto: Google)

domingo, 9 de fevereiro de 2014

Ricardo Pereira

video

Nos EUA, o tenor Ricardo Pereira interpreta "La vita è inferno", da ópera italiana "La forza del destino", de Giuseppe Verdi.

Ricardo é cearense, de Fortaleza.

Dobri Dobrev

Dobri Dobrev, 98 anos de idade, perdeu sua audição na II Guerra Mundial. 


Como dizia Bento XVI, “Existem santos que só Deus sabe o nome". 

Pois bem, vestido com roupas caseiras e sapatos de couro, todos os dias ele caminha 10 quilômetros de sua aldeia para a cidade de Sofia, onde passa o dia pedindo dinheiro. 

Recentemente, descobriram que ele doou cada centavo colhido de esmolas - mais de 40 mil euros - para ser empregado na restauração de velho mosteiros búlgaros e para contribuir com orfanatos públicos. 

Dobri vive somente com a sua pensão mensal de 80 euros e da caridade dos outros. 

(Foto: Google)

sábado, 8 de fevereiro de 2014

Charles Bukowski

"Um intelectual diz uma coisa simples de uma maneira difícil. Um artista diz uma coisa difícil de uma maneira simples." (Charles Bukowski)

Henry Charles Bukowski Jr (nascido Heinrich Karl Bukowski; 1920-1994) foi um poeta, contista e romancista estadunidense nascido na Alemanha. Sua obra de caráter (inicialmente) obsceno e estilo totalmente coloquial, com descrições de trabalhos braçais, porres e relacionamentos baratos, fascinaram gerações que buscavam uma obra com a qual pudessem se identificar.

Fonte: Wikipédia.
(Foto: Google)

sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014

Corrida na lama

Algumas arriscadas competições do esporte-motor colocam à prova a resistência de condutores e veículos em pistas e circuitos em terrenos acidentados e com bastante lama.


Os amantes dessas competições sabem que, além de emocionantes, elas são muito perigosas.

(Foto: Google)

quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014

"Letrado" Vereador

Esse "letrado" Vereador Antônio Henrique, autor da proposta que muda o nome da Avenida Dedé Brasil, ignora a história da cidade de Fortaleza.
 
 
Sugiro-lhe, pelo menos, o hábito da leitura.

(Foto: Lucas de Menezes)

Cócoras


Um dos costumes mais interessantes da postura corporal é a maneira como as mulheres ficam de cócoras. 

Segundo o dicionário, cócoras é o termo usado para significar agachado, sentado sobre os calcanhares. 

Agora, pôr-se de cócoras diante de alguém, é amedrontar-se, humilhar-se. 

(Foto: Google)

quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

Boneca inflável


Geralmente, uma boneca inflável tem formato de mulher, em tamanho real, e é utilizada como instrumento sexual. 

Muitas delas são feitas em Cyberskin, que é um material sintético, semelhante a pele humana, ou borracha de vinil. 

Embora não sejam largamente comercializadas, elas podem ser encomendadas ao gosto do freguês, que pode escolher tons de pele, cor dos olhos e tonalidades do cabelo, por exemplo. Existe, ainda, a opção de serem equipadas com vibradores que simulam várias animações. 

Tida como bizarra para alguns, a boneca inflável é uma saída para quem, por diversas razões, não quer transar com outra pessoa ou para quem tem dificuldades em conseguir uma parceira. 

(Foto: Google)

terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

Ideias


"As ideias das pessoas são pedaços de sua felicidade." (William Shakespeare)

(Foto: Joana Laprovitera)

segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Salvador Dali & Raquel Welch

Em 1965, o surrealista Salvador Dali encontrou-se com a beleza surreal e magnífica de Raquel Welch. 

Salvador Dali beija a mão de Raquel Welch.

Embora seja improvável que tenha feito mais do que beijar a mão de Welch, Dali a retratou com a ajuda de um sistema de computador.

(Foto: Google)

domingo, 2 de fevereiro de 2014

Cantar

Ray Charles.

"Sede como os pássaros que, ao pousarem um instante sobre ramos muito leves, sentem-nos ceder, mas cantam! Eles sabem que possuem asas." (Victor Hugo)

(Foto: Google)

sábado, 1 de fevereiro de 2014

Pequena história de amor


Pescada do Marcelo Lucena.

Bar do Kari


Localizado na Av. Historiador Raimundo Girão, 635, um dos mais antigos e representativos bares da Praia de Iracema, em Fortaleza, pertence a Antônio Caramuru Braga, o Kari.

(Foto: Totonho Laprovitera)