domingo, 5 de outubro de 2014

Divergências


Sabe aquela história de que, em um espaço público, uma pessoa deseja saúde a quem espirra e um bocado de gente começa a gritar, “educação!”, “segurança!” e coisa e tal? Pois bem, é o que noto está acontecendo muito pelas redes sociais.
 
Nada contra, desde que seja a crítica fundamentada e alinhada, quer dizer, clarividente. Agora, esse negócio de falar, “eu acho”, “dizem”, “há indícios” etc., arranha fortemente os princípios do diálogo na construção e manutenção da cultura democrática. Por isso, eu sempre lembro que divergências não devem significar agressões, nem inimizades. Muito pelo contrário, devem expressar a união de pessoas saudáveis que praticam a discussão como forma de inteligência.

Ah, pra não dizer que não falei de risos, dou o maior dez quando a discussão tem caráter de bom humor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário